tem coisas…

seguindo a linha “tem coisas que somente a cesma faz por você”, ontem à noite rolou outra pedrada. um showzaço ao vivo com a out house birinight band.

era o encerramento do ciclo “rock’and roll não se aprende nem se ensina”,  proposto pelo cineclube. rolou ainda uma projeção sobre a banda com um show dos 30 anos do lynard skynard,

uma espécie  de interveção audiovisual.

o legal de fazer uma atividade como a de ontem é trazer para dentro do auditório da cesma uma porção de pessoas que nunca tinham vindo até aqui, assim, além de conhecerem o lugar e suas possibilidades, podem se tornar frequentadores e daqui há pouco associados. devia ter umas 250 pessoas, porque são 200 cadeiras, todas foram ocupadas, tinha gente na escada e sentada no chão do mesanino, fora os que estavam de pé.  outra prova de que o rock tem fãs até em tempos de gripe do porco.

outra coisa é que como a tv ovo descobriu o caminho das pedras, rolou novamente o show ao vivo pela internet

out_house

com 6 anos de estrada, a banda santa-mariense apresentou um set baseado em suas canções autorais, mas também algumas homenagens às suas referências sonoras dos anos 60/70.

uma pedrada após a outra.

o  ciclo foi promovido pela cesma/cineclube Lanterninha, itapema fm 105,7 e jornal diário de santa maria. os sobrinhos do sirotsky fizeram sua parte e deram visibilidade ao negócio.

Acompanhe o trabalho da outhouse birinight band no blog dos caras e no my space

Anúncios